• CRM Motorsport

Títulos dos Caterham decididos sob a chuva do Circuito Estoril

Updated: Nov 22




· Corridas disputadas ao milésimo de segundo foram a ordem de serviço do segundo dia do Caterham Festival

· Tri-Campeonato para José Carlos Pires nos 420R


· Mico Mineiro Campeão após um quinto e um segundo lugares


· Pleno no Estoril confirma título dos 320R para Paulo Santos



Cascais, 19 de Novembro 2022 – Depois do sol e piso seco das qualificações de sexta-feira, foi com vários períodos de chuva e piso molhado que os pilotos do Troféu Super Seven by Toyo Tires foram brindados na última ronda competitiva de 2022 no Circuito do Estoril, assistida de perto pelo CEO da Cateham Cars Bob Lainshly.


Condições climatéricas que acabaram por dar às duas derradeiras corridas, da competição orgulhosamente apoiada pela Toyo Tires, Fuchs, Auditiv, Apple of Eden, Gupe e GC24, emoções fortes e resultaram em animados despiques para decidir a atribuição dos três títulos ainda em jogo no arranque da jornada.






Tri para José Carlos Pires nos Caterham 420R


Dono de confortável vantagem à chegada ao Estoril entre os homens dos Caterham 420R, José Carlos Pires acabou por correr a pensar na segunda revalidação consecutiva do título. Uma estratégia que acabou por abrir a porta a Pedro Salvador para fechar a época com dupla vitória.


Segundo ao acender das luzes verdes para a primeira corrida, Salvador deixou desde logo muito claro ao que vinha, mas não foi sem esforço e algumas lutas que logrou o primeiro triunfo do dia, com o trabalho mais duro a surgir a partir da quinta volta. Foi nessa altura que o piloto da Speedy Motorsport se viu batido por Filipe Albuquerque. Convidado pela formação CRM Motorsport, o recém-coroado Campeão do Mundo de Resistência na categoria LMP2 veio ao Estoril para competir pela segunda vez aos comandos dos aguerridos Caterham 420R e não deixou os créditos por mãos alheias ao intrometer-se na luta pela vitória a quatro voltas do final.





Quem também aproveitava a oportunidade para tentar o triunfo pouco depois era Alex Areia. O também piloto da Speedy Motorsport imitou Albuquerque na volta seguinte para suplantar Salvador e relegá-lo para o terceiro posto. Uma ordem que foi de pouca dura, já que este reclamou a liderança de uma assentada a duas voltas final para não mais a perder até à bandeira de xadrez. Ainda assim, o triunfo foi conseguido in extremis, já que Albuquerque vendeu muito caro o primeiro posto para terminar roda com roda com Salvador, a meros 0,095s de distância no que foi a segunda diferença mais curta deste sábado.





Enquanto isso, Areia via o pódio fugir-lhe ao cair do pano, com Diogo Tavares, da CRM Motorsport a levar a cabo um ataque cirúrgico sob a bandeira de xadrez. Depois de largar de oitavo da grelha e recuperar quatro posições ao longo das quatro primeiras voltas, Tavares superou o rival por meros 0,011s sobre a linha de meta para assegurar o terceiro posto. Atrás dele, e a completar o Top 10 ficaram Alex Areia (Speedy Motorsport), Gonçalo Lobo do Vale (BCM Sports), José Carlos Pires (Speedy Motorsport), Nuno Pires (Speedy Motorsport), Lourenço Monteiro (Speedy Motorsport), Sérgio Saraiva (Speedy Motorsport) e Ginho Rodrigues (Gianfranco Motorsport).


Da parte da tarde, e de novo com piso molhado, o embate acabou por ser mais tranquilo. Na pole position fruto do triunfo matinal, Pedro Salvador assumiu desde logo as despesas da corrida para liderar de início a fim e terminar com uns bastante mais confortáveis 15,973s de margem sobre o resto do pelotão. Já o agora Tri-Campeão José Carlos Pires apresentou prestação oposta à da primeira corrida. Quinto à partida, fruto dessa mesma posição final no embate matinal, o piloto da Speedy Motorsport precisou de apenas três voltas para chegar ao pódio provisório, e após cinco passagens pela linha de meta era segundo, depois de se impor a Alex Areia para rodar de forma tranquilo nessa mesma posição até final.


Quem levou a cabo positiva recuperação foi David Saraiva. Nono à partida para a derradeira corrida do Troféu Super Seven by Toyo Tires, o piloto foi ganhando posições paulatinamente para chegar ao terceiro lugar à quinta volta, tal como o colega de equipa, acabando assim por fazer com que fossem três os homens da Speedy Motorsport no pódio. O Top 10 contou ainda com Alex Areia (Speedy Motorsport), Duarte Tavares (CRM Motorsport), Ginho Rodrigues (Gianfranco Motorsport), Rafael Rajani (Zome Racing Team), Lourenço Monteiro (Speedy Motorsport) e Nuno Afonso (Adess).





Mico Mineiro garante título nos Gentleman com quinto e segundo lugares


O outro título que se decidiu este sábado no Circuito Estoril, derradeira jornada da competição monomarca promovida pela CRM Motorsport foi o dos Caterham 420R Gentleman, com Mico Mineiro a levar para casa a coroa após um quinto e um segundo lugares nas primeira e segunda corridas, respetivamente.


De manhã, e aos comandos de um 420R pela primeira vez, Bruno Knudsen destacou-se dos demais naquela que foi a sua quarta corrida ao volante de um Caterham diferente. Terceiro à partida, Bruno só à quarta passagem pela linha de meta logrou ascender a segundo, posição em que rodou até duas voltas do final. A partir dessa altura o piloto da CRM Motorsport assumiu o comando da prova para não mais o perder e ver a bandeira de xadrez com quase um segundo de vantagem sobre Guilherme Dal Maso.


Um desfecho que surgiu depois de uma prova de altos e baixos por parte do também piloto da CRM Motorsport. Segundo no final da primeira volta após ter largado da pole, Dal Maso precisou apenas de mais uma passagem pela linha de meta para regressar à primeira posição, mas a quebra de andamento à décima volta revelou-se determinante para o desfecho.


Enquanto isso, Ricardo Pedrosa, que partiu muito bem do segundo posto para ser o primeiro líder da corrida, acabou por ver os dois rivais imporem-se-lhe de forma gradual ainda na primeira metade da prova, com o piloto da Adess a ver o segundo lugar fugir-lhe das mãos ao cabo de três voltas. Atrás deles, e a completar a tabela de classificação André Matos (BCM Motorsport), Ivo Prada (CRM Motorsport), Mico Mineiro (CRM Motorsport), José Kol de Almeida (BCM Motorsport), Daniel Azevedo (CRM Motorsport) e Fernando Costa (Adess).


De tarde, prova bem mais tranquila para os homens do pódio. Líder desde o início, Guilherme Dal Maso não teve qualquer dificuldade para juntar uma vitória ao segundo lugar matinal depois de uma corrida em que foi sempre mais rápido que Mico Mineiro. Com andamento melhor que de manhã, Mineiro saltou do quinto posto da grelha para a segunda posição logo na primeira volta para aí se manter até final e bater Ricardo Pedrosa, que foi terceiro de início a fim da corrida. Um resultado que se revelou o bastante para Mineiro garantir o título. A completar o Top 8 terminaram Daniel Azevedo (CRM Motorsport), José Kol de Almeida (BCM Motorsport), Ivo Prada (CRM Motorsport), Fernando Costa (Adess) e André Matos (BCM Motorsport).









Paulo Santos confirma título dos 320R com pleno no Circuito Estoril


Emoções fortes e molhadas nas duas decisivas corridas dos Caterham 320R neste sábado no Circuito Estoril, com Paulo Santos a confirmar o favoritismo a garantir a conquista do título com um magnífico pleno depois de garantir a Pole Position, as vitórias e as Voltas Mais Rápidas nas duas corridas de 20 minutos.


Tarefa que acabou por se tornar um pouco mais complicada para o piloto da Fórmula F que, depois de ter efetuado os Treinos Cronometrados com piso seco e sol, teve de lidar, tal como o resto do pelotão, com condições de piso molhado e chuva nas duas corridas.


No primeiro embate da categoria, disputado durante a manhã, Santos disparou da pole para a liderança da corrida, mas não tardou e contar com a oposição de Tiago Fino. O homem da Adess colou-se a ele logo na primeira volta e à segunda passagem pela linha de meta, liderava já o pelotão dos pilotos portugueses. Mais rápido que Santos nas voltas seguintes, Fino não teve dificuldades em manter-se na frente, mesmo depois de perder algum ritmo para Santos na quarta volta. Contudo, um desaire na sexta volta acabou por ditar o desfecho, com Paulo Santos a aproveitar para saltar para a liderança e não mais perder a posição até final, relegando Tiago Fino para o intermédio do pódio.


Enquanto isso, Gonçalo Nobre da Veiga corria isolado em terceiro, mas não sem antes levar a cabo uma brilhante partida. Mais eficaz ao acender das luzes verdes para a partida lançada, o homem da CRM Motorsport saltou de imediato de quinto da grelha para o mais baixo do pódio onde rodou de início a fim sempre com larga margem sobre o companheiro de equipa Bernardo Gonzalez. Miguel Couceiro (CRM Motorsport), Dominic Geary (CRM Motorsport), Frederico Brion Sanches (BS Motorsport), José João Magalhães (Teaam Nuoorte) e Manuel Lopes (Chave Inglesa) completaram a tabela classificativa, com os quatro a definirem as posições apenas nas duas últimas voltas.


No embate da tarde, novo triunfo para Paulo Santos, se bem que desta feita com o piloto da Fórmula F a apresentar uma prestação mais dominadora. É certo que Tiago Fino levou a melhor à partida, assumindo a liderança da prova logo à primeira volta, mas à segunda passagem pela linha de meta Santos era já líder, posição em que acabou por rodar até final para fechar o ano com chave de ouro ao triunfar com cerca de 2,2 segundos de margem sobre o rival. Um resultado que foi depois revisto e alterado pelo Colégio de Comissários Desportivo, que aplicou uma penalização de 46 segundos a Fino por ter ultrapassado um corrente quando o Safety Car se encontrava em pista na sequência de um despiste de Miguel Couceiro na Curva VIP à quarta volta.


Quem ganhou de imediato com isto foram Gonçalo Nobre da Veiga e Bernando Gonzalez. Nobre da Veiga, que andou sempre longe do intermédio do pódio, acabou por ver a segunda posição aterrar-lhe no colo, o mesmo se passando com o piloto jornalista, o que levou a que fossem duas as máquinas da CRM Motorsport a completar o pódio. A completar a classificação ficaram José João Magalhães (Teaam Nuoorte), Manuel Lopes (Chave Inglesa), Tiago Fino (Adess), Miguel Couceiro (CRM Motorsport) e Frederico Brion Sanches (BS Motorsport).


“Hoje encerrámos as contas do nosso Super Seven by Toyo Tires, celebrando as conquistas de José Carlos Pires, Mico Mineiro e Paulo Santos. Com duas corridas disputadas com a máxima garra, mas sempre com muito Fair Play. Testemunhamos uma Corrida 1 imprópria para cardíacos onde os 4 primeiros lugares ficaram separados por umas mínimas 2 décimas de segund . A família Super Seven tem mais um motivo de celebração! Amanhã os nossos Caterham irão bater-se roda com roda com os ingleses e franceses que se juntaram a nós para este Festival com as melhores corridas do planeta” acrescentou Tiago Raposo Magalhães, CEO da CRM Motorsport.


Já Filipe Albuquerque deliciado com a experiência afirmou " Já conhecia ao que ia, e por isso mesmo quis voltar, e mais uma vez, adorei cada bocado. A amizade, o companheirismo, o espirito que se vive é incrível. A diversão dentro de pista é tão bom ou melhor, os Caterhams proporcionam corridas muito muito giras da primeira a última volta. Para o ano, quero voltar outra vez!”


Sobre o SUPER SEVEN BY TOYO TIRES

Criado em 2009, o Super Seven by Toyo Tires é reconhecidamente o mais competitivo e emocionante Troféu monomarca do automobilismo nacional, e simultaneamente o de maior longevidade. Assenta em duas versões do icónico Caterham Seven (420R e 320R) e divide-se em três categorias (420R, 420R Gentleman e 320R) que partilham o mesmo espaço e tempo de pista, mas com pontuação autónoma e dedicada. Todos os eventos possuem duas sessões de treinos livres, duas sessões de treinos cronometrados de 15 minutos e três corridas com a duração de 20, 25 ou 30 minutos.


Sobre a CRM MOTORSPORT

Desde 2008 que a CRM Motorsport se dedica à preparação e construção de carros de competição, e à organização e promoção de campeonatos, troféus e eventos associados ao automobilismo. Sob a sua responsabilidade decorrem os troféus monomarca Super Seven by Toyo Tires e Kia GT Cup, os track-days Estoril Experience Day e Estoril Test Day, o fim-de-semana de corridas que celebra a velocidade nacional, o Estoril Racing Festival, e o mais recente Caterham Racing Festival.


145 views0 comments

Recent Posts

See All