• CRM Motorsport

Diferenças mínimas marcam qualificação do Super Seven by Toyo Tires em Portimão!

  • Treinos cronometrados marcados pelo excelente andamento dos pilotos portugueses num evento partilhado com os Caterham britânicos da 7 Race Series

  • Francisco Villar, J.J. Magalhães, Francisco Figueiredo, Bernardo Bello e José Kol Almeida destacaram-se nas classes 420R, S1600 e S1600 Business

  • Rui Silva, Ricardo Guedes e Stéphane Picciotto tiveram uma estreia positiva

Portimão, 1 de Novembro 2019 — Parece uma missão impossível arranjar novos motivos de interesse numa competição com tantos anos de atividade. Mas a verdade é que o Super Seven by Toyo Tires continua a surpreender época após época, com listas de inscritos que não param de crescer e exibições de antologia por parte de um plantel cada vez mais competitivo!


420R AO RUBRO Após um primeiro dia marcado pela instabilidade das condições climatéricas durante as três sessões de treinos privados que tiveram lugar esta quinta-feira, os pilotos atacaram as duas sessões de qualificação de hoje com o conforto do piso seco. E foi com a segurança de quem poderia acelerar sem constrangimentos no Autódromo Internacional do Algarve que se assistiu a uma das mais curtas diferenças na história do Super Seven by Toyo Tires, com os três pilotos da 420R separados por meros 38 milésimos de segundo na Qualificação 1! A liderar este grupo e a garantir, assim, a primeira posição da grelha de partida para a corrida inaugural do fim-de-semana encontra-se Francisco Villar, que derrotou o chefe de equipa (e líder do campeonato) da Speedy Motorsport, Pedro Salvador, por incríveis 0,003s! Logo atrás, José Carlos Pires, satisfeito com o trabalho realizado pela Atomic-Mageltech e confiante para as duas corridas. Este cenário acabaria por sofrer alterações na Qualificação 2, com Francisco Villar a cair para o 8º posto à geral e 4º entre os portugueses depois de encontrar “dificuldades para realizar uma volta limpa”.

COMPETIÇÃO AO MAIS ALTO NÍVEL

José Carlos Pires repetiu a 2ª posição da Q1 e Pedro Salvador fez o 3º tempo, mas o protagonismo era agora, merecidamente, de J.J. Magalhães, depois de o piloto do Seven nº 21 amealhar a segunda pole-position de 2019.


Uma evolução que deixou o responsável de equipa do Team Norte, Luís Lisboa, em êxtase com o resultado, depois de na Q1 o seu piloto ter feito o 5º tempo.Já os colegas de equipa viveram sensações distintas: depois de uma Q1 menos exuberante (11º lugar entre os portugueses), Diogo Costa registou o 6º tempo na Q2. O pai, Paulo Costa, fez o 15º tempo nas duas sessões, imediatamente atrás de Nuno Afonso (13º mais rápido na Q1 e Q2) e com Duarte Lisboa sensivelmente no meio de ambos (foi 14º na Q1 e 12º na Q2) no que ao andamento diz respeito.


Em bom plano no Caterham preparado pela BCM Sports, Gonçalo Lobo do Vale garantiu o 4º (Q1) e 5º (Q2) tempos mais rápidos, salientando as alegrias e agruras de partilhar, ao mesmo tempo, a pista com o impressionante número de 63 carros!

Ainda na BCM Sports, se Rui Silva e Ricardo Guedes deram os primeiros passos com o carro e categoria, marcando com naturalidade o 16º tempo nas duas qualificações, o companheiro Rodrigo Galveias teve um regresso positivo ao Troféu de maior longevidade do automobilismo nacional (7º e 10º tempo na Q1 e Q2, respetivamente).


A adorar esta sua primeira presença no Autódromo do Algarve, Daniel González-Vallinas teve uma prestação competitiva (12º na Q1 e 14º na Q2).


Diogo Tavares (8º na Q1 e Q2) e Luís Calheiros Ferreira (10º na Q1 e 9º na Q2) padeceram do problema que afetou quase todos os pilotos, registando dificuldades para gerir o intenso tráfego durante o tempo em que estiveram em pista nos Caterham preparados pela CRM Motorsport.

Um sentimento partilhado por Ricardo Rajani, que promete lutar contra estes pilotos nas duas corridas (concluiu a Q1 e Q2 no 9º e 11º lugares).


Quase sempre entre os oito primeiros do pelotão, os primos Sérgio e David Saraiva voltaram a confirmar esse estatuto ao assegurarem o 6º (Q1) e 7º (Q2) tempos ao volante do Seven nº 333 assistido pelo Team Nova Driver.


S1600 COM NOVO PROTAGONISTA A prova-viva de que é possível evoluir com dedicação e trabalho, Francisco Figueiredo assegurou a primeira pole-position da carreira no Autódromo do Algarve, sensivelmente um ano após ter realizado a sua estreia no Super Seven by Toyo Tires. O piloto do Caterham nº 18 fez a volta mais rápida da Q1 entre os S1600, superando pelo caminho o rival e amigo de infância, Bernardo Bello, e um Pedro Lacerda em excelente forma, que assim viu recompensado o trabalho desenvolvido com a BS Motorsport.

Na Q2, Bernardo Bello subiu uma posição para garantir que irá sair do 1º lugar da grelha, ao passo que Luís Filipe Oliveira conseguiu o espaço suficiente para realizar uma volta limpa que lhe deu o 2º lugar, relegando, desta feita, Francisco Figueiredo para o 3º posto. Pedro Falé irá sair do 5º (Q1) e 4º lugar da grelha (Q2).


REGRESSO AUSPICIOSO NA BUSINESS

Nem uma prova de ausência serviu para José Kol Almeida refrear os ânimos na classe Business. O piloto do Seven nº 12 assegurou o tempo mais rápido das duas qualificações, à frente de Frederico Brion Sanches e Bruno Martins, que repetiram a 2ª e 3ª posições.


Atrás destes terminaram Tiago Sousa e André Matos, que continuam a dividir a condução do Caterham nº 31, e Stéphane Picciotto, que fez a sua estreia no Troféu a bordo do Seven nº 66 preparado pela Comval, elogiando a diversão ao volante do carro.

Empolgado com as duas sessões de qualificação do Super Seven by Toyo Tires em Portimão, Tiago Raposo Magalhães acredita que a competição promovida pela CRM Motorsport torna-se ainda mais emocionante com a presença dos Caterham britânicos da 7 Race Series organizada pela McMillan Motorsport:


“Não é todos os dias que podemos contar com 63 carros em pista e com o desafio extra que essa situação acarreta quando os nossos pilotos se encontram a lutar pelo campeonato. Mas não tenho dúvidas que são situações como esta que nos permitem inovar e revitalizar uma competição que, pasme-se, continua a crescer a olhos vistos após 11 anos de atividade, algo impossível sem o apoio dos pilotos e equipas que nos acompanham”, assegura.


“As diferenças mínimas entre os participantes provam a validade desta aposta e tenho a certeza de que a Corrida 1 que terá lugar amanhã irá ser marcada pelo mesmo desfecho!”


Concluídas as duas sessões de qualificação, o programa desportivo do Super Seven by Toyo Tires tem continuidade este Sábado, com a realização, às 15h50, da primeira corrida do fim-de-semana.

Pode acompanhar todas as informações a respeito desta prova em www.crm-motorsport.come no Facebook e Instagram, através dos endereços www.facebook.com/CRMMotorsportPTe www.instagram.com/crm_motorsport.


Qualificação 1

1 - #34 Francisco Villar (1º 420R)

2 - #25 Pedro Salvador (2º 420R)

3 - #53 José Carlos Pires (3º 420R)

4 - #103 Danny Winstanley

5 - #14 David Henderson

6 - #32 Lee Wiggins

7 - #30 Gonçalo Lobo Vale (4º 420R)

8 - #20 Steve Day

9 - #83 Keith Ashworth

10 - #21 J.J. Magalhães (5º 420R)

11 - #333 Sérgio Saraiva (6º 420R)

12 - #28 Rodrigo Galveias (7º 420R)

13 - #7 Diogo Tavares (8º 420R)

14 - #109 Danny Killeen

15 - #90 Jay McCormack

16 - #33 Ricardo Rajani (9º 420R)

17 - #777 Chris Wright

18 - #119 Mark Stansfield

19 - #26 Paul Vernon

20 - #118 Phil Jenkins

21 - #555 Russ Olivant

22 - #8 Luís Calheiros Ferreira (10º 420R)

23 - #125 Justin Armstrong

24 - #888 Chris Lay

25 - #49 Jamie Bashall

26 - #68 Ian Dyble

27 - #23 Diogo Costa (11º 420R)

28 - #81 Daniel González-Vallinas (12º 420R)

29 - #102 Matthew Reeve

30 - #44 Nuno Afonso (13º 420R)

31 - #39 Mark Drain

32 - #22 Paul Browse

33 - #55 Rick Potter

34 - #19 Duarte Lisboa (14º 420R)

35 - #2 John Reid

36 - #171 Martin Amison

37 - #136 John Ogilvie

38 - #166 Tom Overton

39 - #5 Carl Nairn

40 - #29 Paulo Costa (15º 420R)

41 - #58 Nick Jones

42 - #16 Martin Jeffs

43 - #71 Alan Cooper

44 - #3 Rui Silva (16º 420R)

45 - #100 John Shiveral

46 - #18 Francisco Figueiredo (1º S1600)

47 - #57 Bernardo Bello (2º S1600)

48 - #11 Andrew Perry

49 - #99 Caroline Everett

50 - #129 Tim Child

51 - #37 Pedro Lacerda (3º S1600)

52 - #24 Luís Filipe Oliveira (4º S1600)

53 - #54 Billy Nairn

54 - #10 Pedro Falé (5º S1600)

55 - #70 Kevin Cooper

56 - #127 Tim Rowbottow

57 - #47 Tom Hayman-Joyce

58 - #12 José Kol Almeida (1º S1600 BUS)

59 - #77 Frederico Brion Sanches (2º S1600 BUS)

60 - #9 Bruno Martins (3º S1600 BUS)

61 - #48 Anthony Jaffe

62 - #31 Tiago Sousa (4º S1600 BUS)

63 - #66 Stéphane Picciotto (5º S1600 BUS)


Qualificação 2

1 - #14 David Henderson

2 - #21 J.J. Magalhães (1º 420R)

3 - #32 Lee Wiggins

4 - #53 José Carlos Pires (2º 420R)

5 - #125 Justin Armstrong

6 - #25 Pedro Salvador (3º 420R)

7 - #109 Danny Killeen

8 - #34 Francisco Villar (4º 420R)

9 - #30 Gonçalo Lobo Vale (5º 420R)

10 - #23 Diogo Costa (6º 420R)

11 - #333 David Saraiva (7º 420R)

12 - #103 Danny Winstanley

13 - #83 Keith Aswhorth

14 - #7 Diogo Tavares (8º 420R)

15 - #49 Jamie Bashall

16 - #777 Chris Wright

17 - #26 Paul Vernon

18 - #118 Phil Jenkins

19 - #8 Luís Calheiros Ferreira (9º 420R)

20 - #119 Mark Stansfield

21 - #555 Russ Olivant

22 - #90 Jay McCormack

23 - #5 Carl Nairn

24 - #20 Steve Day

25 - #28 Rodrigo Galveias (10º 420R)

26 - #33 Ricardo Rajani (11º 420R)

27 - #19 Duarte Lisboa (12º 420R)

28 - #888 Chris Lay

29 - #102 Matthew Reeve

30 - #44 Nuno Afonso (13º 420R)

31 - #39 Mark Drain

32 - #68 Ian Dyble

33 - #16 Martin Jeffs

34 - #22 Paul Browse

35 - #166 Tom Overton

36 - #2 John Reid

37 - #58 Nick Jones

38 - #81 Daniel González-Vallinas (14º 420R)

39 - #29 Paulo Costa (15º 420R)

40 - #55 Rick Potter

41 - #136 John Ogilvie

42 - #71 Alan Cooper

43 - #100 John Shiveral

44 - #99 Caroline Everett

45 - #57 Bernardo Bello (1º S1600)

46 - #47 Tom Hayman-Joyce

47 - #24 Luís Filipe Oliveira (2º S1600)

48 - #11 Andrew Perry

49 - #129 Tim Child

50 - #70 Kevin Cooper

51 - #18 Francisco Figueiredo (3º S1600)

52 - #10 Pedro Falé (4º S1600)

53 - #48 Anthony Jaffe

54 - #12 José Kol Almeida (1º S1600 BUS)

55 - #127 Tim Rowbottow

56 - #37 Pedro Lacerda (5º S1600)

57 - #77 Frederico Brion Sanches (2º S1600 BUS)

58 - #3 Gonçalo Guedes (16º 420R)

59 - #54 Billy Nairin

60 - #9 Bruno Martins (3º S1600 BUS)

61 - #31 André Matos (4º S1600 BUS)

62 - 171 Martin Amison


Programa Portimão, 31 Outubro-3 Novembro 2019:

Sábado, 02 de Novembro 2019 15H50-16H15: Corrida 1

Domingo, 03 de Novembro 2019 08H00-08H25: Corrida 2

 

©2020 CRM Motorsport, Lda.